Sexta-feira, 25 de Julho de 2008

O SAPATEIRO E a CHINELA

     

   Esta tolice das poesias religiosas  constantes dos dois últimos post merece uma explicação aos meus actuais leitores, pois no contexto, no espírito do actual blog surgem como algo totalmente deslocado...inexplicável.....

    Estas "poesias" foram escritas , numa altura em que pertencia a um grupo de troca de ideias e discussão brasileiro sobre filosofia.

     Sem querer de modo algum denegrir ou ofender o povo brasileiro, eu não fazia ideia, ( apesar de ter passado por lá uns meses), sobre a prolixidade mística do país.... Devem ter mais “igrejas” e seitas religiosas estranhas do que os próprios EUA.  Aliás nunca percebi onde acabava a Virgem Negra e começava Iemanjá.....

.....Nesse grupo vi-me soterrado em lérias pseudo-religiosas, artigos sem fim , tentativas de conversão a não sei bem o quê e intermináveis discussões pseudo filosóficas...havia fulanos a provarem a existência de Deus com a Mecânica Quântica....um mundo de disparates......

   O assunto era definitivamente chato mas as pessoas eram simpáticas e educadas.....por outro lado, lá aparecia de vez em quando um ou outro artigo com interesse. Estas "poesias" são duas das  muitas  que foram postadas nesse grupo de discussão..... Foram a minha delicada contribuição para a loucura geral....KKKKKK!

....Notem que cada “poesia”, ( perdoem o abastardamento da palavra), foi " construida" para levantar uma questão que até nem está subtilmente disfarçada, mas que está feita de modo inatacável no que  concerne o respeito pelas convicções religiosas do próximo.... Enfim : questiona mas não ofende.

    É obvio que a primeira , intitulada IRMÃO põe em causa a desigualdade com que um presumível Deus trata os seus filhos... só um supercataclismo será para todos.... e a segunda, PÃO NOSSO, dá aos acontecimentos ditos predestinados  e divinamente comandados uma característica de acaso. Claro que não tiveram eco nenhum, pois , como disse um grande pensador: 

 

 “COM UM POUCO DE AGILIDADE MENTAL E ALGUMAS LEITURAS EM SEGUNDA MÃO, QUALQUER HOMEM ENCONTRA AS PROVAS DAQUILO EM QUE DESEJA ACREDITAR..”.

Assim são as discussões sobre religião....

 

publicado por mochovelho às 22:05
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De samsara a 26 de Julho de 2008 às 07:10
Pois é meu amigo, mas para mim acreditar é a base de tudo, acreditar em Deus, acreditar em mim, acreditar que o mundo vai melhorar, acreditar nos outros, acreditar, acreditar...Se não acreditarmos desaba tudo. E o mais fantástico é que não temos que o provar cientificamente, temos é que o sentir, que o viver. O estado de alma, a força que vem de Deus, do nosso interior leva-nos até ao infinito. E é maravilhoso quando conseguimos passar parte da mensagem de dentro de nós através da poesia.
Bjs.
De mochovelho a 26 de Julho de 2008 às 18:53
Eu não sou psiquiatra, mas o seu "ACREDITAR" é claramente manter uma esperança... já nem é a vida pós morte que lhe importa, é aquilo que a rodeia, AGORA e AQUI! E ainda bem que assim é , porque desconfio que as pessoas com esse tipo de ESPIRITO, conseguem ser bastante mais felizes e , no seu dia a dia são mais positivas. Continue assim....Um abraço!
De mochovelho a 27 de Julho de 2008 às 15:06
Já agora Samsara esqueci-me de fazer uma observação.... ou antes , uma pergunta:
A relação entre as mais diversas configurações astrológicas e o destino ou feitio, ou seja lá o que for de quem seja lá quem for, é uma "coisa" construida por Deus????? Um abraço!
Nota : A pergunta não é crítica , mas construtiva , pois eu queria perceber qual a articulação da Astrologia com uma crença religiosa monoteista.....
De samsara a 27 de Julho de 2008 às 16:39
A Astrologia é perfeitamente compatível com as religiões monoteístas, e eu diria com qualquer uma. Existe uma entidade superior, a quem chamo Deus, outros darão outro nome, que regula tudo. Nós temos um papel a desempenhar, sendo a parte de um todo maior. Há coisas nos nossos mapas que podemos mudar, outras não (destino).
Bjs.
De NEOABJECCIONISMO a 28 de Julho de 2008 às 20:52
mochovelho .
"Qualquer homem ou mulher, encontra as provas daquilo em que deseja acreditar."
A sua experiência nessas discussões foi fascinante. Deu-lhe uma outra visão duma situação para si desconhecida. Um espírito curioso, racional, despreconceituoso, põe em dúvida os dogmas de qualquer religião. Podemos acreditar numa pedra como Deus. Na força dos quatro elementos que nos devassam, destruem ou elevam.
A sua expressão que encima o meu comentário, diz tudo sobre a crença. Depois há os excessos...
Um abraço grande
De mochovelho a 30 de Julho de 2008 às 12:56
Umas vezes deseja ACREDITAR,....outras vezes, em casos mais penosos, PRECISA DE ACREDITAR. A crença, a religião, não fói só um modo de instalar e fazer obedecer o primeiro comjunto de leis e de regras de que há memória, evoluindo depois para um sistema de dominação usado pelos poderosos, como eu costumo dizer......Mas, ás vezes caio em mim e tomo consciência que , para muita gente, é também uma necessidade e que os ajuda a resistir a muitas agruras da vida.... Será bom? Será mau? Lenine dizia que a religião era o ópio dos povos.... sinto-me tentado, a pelo menos nisto concordar com ele. Um abarço!

Comentar post

mais sobre mim


ver perfil

. 1 seguidor

pesquisar

Agosto 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
31

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts recentes

AS APLICAÇOES PRÁTICAS D...

DESCRIMINAÇÃO

VIVA A BADERNA

HAVERÁ TERCEIRA VIA??

Há terceira via??????

O PADROEIRO

EMÉTICO

ACUDAM !!!!!

...

BIBA!BIBA!BIBA!

TERRORISMO E PRESERVATIVO...

A CRISE

DISCIPLINA

O QUE SERÁ?

O REGRESSO DOS ABUTRES

O IMOBILIÁRIO

A CRISE

QUE TAL....

Aonde vamos????

DUARTE de ALMEIDA

arquivos

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

links

blogs SAPO

subscrever feeds