Segunda-feira, 24 de Novembro de 2008

A CRISE

                  A CRISE

  1- Esta crise está muito mal explicada..... Os especialistas e os políticos debitam de cátedra um arrazoado ininteligível até para quem sabe alguma coisa e não se percebe nada. Felizmente encontrei um blog de alguém com o nick name de Dissidente, que explica a coisa muito satisfatoriamente, descendo até á nossa ignorância , para depois nos puxar para cima.... Aqui fica o URL para que o possam consultar...Vale a pena

 

http://dissidentex.wordpress.com/2008/09/23/crise-financeira-americana-as-razoes/

 

 2- Vou , no entanto fazer algumas considerações pessoais, enraizadas no meu velho principio de que o dinheiro "só é sólido" se resultar da produção e venda de um bem ou serviço útil. Porquê este principio, a que muitos chamarão abstruso? Porque  profissionalmente sou engenheiro , e ainda por cima da velha guarda.....hehehehe! Mas reconheço a importância da banca no necessário financiamento das iniciativas produtivas lastimando todavia, que os juros cobrados inviabilizem muita iniciativa que seria de futuro.

 3- Consideremos o inicio desta história toda: A banca empresta a uma família dinheiro para comprar casa própria, ficando com uma hipoteca sobre a casa até que esta esteja completamente paga... Enquanto aqui nos vemos aflitos para a banca nos valorizar a casa em compra pelo valor pedido pelo vendedor, parece que nos EUA, emprestava o que a família pedia, sem mais aquelas, ou seja , dava para a casa , para o carro novo, etc., etc. Há muita coisa de errado aqui, mas, pelo menos, a transacção passa pela produção de uma casa, ou venda de uma casa já há muito construída.... É mau mas não de todo, se esquecermos que os indivíduos das instituições bancárias, ganhando á comissão, emprestaram dinheiro a famílias que , á partida se via claramente que não tinham hipótese de pagar a casa......

 4- Mas os lucros do banco emprestador eram enormes, por exemplo, o banco X, tinha emprestado 100 milhões de US$ para casas, pelos quais esperava um retorno de 1000 milhões...Então, constituía um fundo com essas dividas, ( activos tóxicos), e vendia esse pacote de dividas a outra entidade bancária ou financeira, por exemplo por 300 milhões de US$.....Claro que o comprador sabia , ou devia saber o risco que estava a correr, mas se o risco era grande as contrapartidas também, pois tinha comprado por 300 algo que lhe poderia render 1000. Claro que esta nova entidade financeira também tentava vender esses fundos a outra......Isto sendo algo de parecido com a vigarice do conhecido jogo da pirâmide, em que os últimos a comprar é que se lixam.....

5- Entretanto, o que era óbvio acontece: muitas famílias deixam de pagar as prestações simplesmente porque nunca tiveram capacidade para tal a longo prazo, e o valor das casas desce.....E a família raciocina: "o valor que eu ainda tenho que pagar pela casa é muito superior ao seu valor actual....então adeus, vou-me embora". A bola de neve começa a rolar e não pára......Os fulanos que compraram os fundos constituídos pelas dívidas de imobiliário, como explicado em 4, ficam com montes de papeis que são apenas dívidas incobráveis e sendo entidades financeiras , que por sua vez venderam títulos a outrem, a situação é de ruptura por várias razões.

    Reparem , que , no ponto 4 tento dizer algo que para mim é fundamental.....Estes crânios da banca andaram a vender dívidas uns aos outros.....numa espiral de ganância estúpida e animalesca ...(eles são animais especiais que comem dinheiro...)

    transformar dinheiro em dinheiro, sem ter no fundo o apoio DA PRODUÇÃO DE RIQUEZA SENSÍVEL É SEMPRE UM PREJUÍZO PARA A SOCIEDADE.

    Mas, e agora quem vai PAGAR A FACTURA ????  No caso português, que se saiba, o crédito mal parado referente ao sector imobiliário não é preocupante.... Então de onde vem o pânico? É que os nossos banqueiros, compraram esses activos tóxicos de que falamos em 4, com certeza.....E que dinheiro usaram para essa compra.....??? Dêem as voltas que derem a esta resposta vamos sempre parar á triste verdade: USARAM O DINHEIRO DOS DEPOSITANTES .....KKKKK!

 

     Outro aspecto importante é o abrandamento da economia que isto vai provocar, e que será talvez o aspecto mas danoso e mais difícil de recuperar.....mas isso fica para outra vez

publicado por mochovelho às 13:07
link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De samsara a 26 de Novembro de 2008 às 20:10
E o que podemos nós fazer? Falar e AGUENTAR, com a maior cautela possível.
Quando fui ao banco amortizar o meu empréstimo bancário depois de ter liquidado aquele da casa que vendi, ofereceram-me aneis de diamantes e relógios para comprar, que eu recusei. O senhor do Banco vira-se para nós e diz, o que estão a fazer não é nada normal, qualquer pessoa compraria um carro novo, ou fazia uma viagem, com o dinheiro que sobrou (como se eu fosse um extraterrestre).
E eu respondi simplesmente, se eu ainda devo dinheiro ao banco do empréstimo da casa onde vivo, porque carga de água é que o ia gastar em algo que não preciso, quando ainda por cima estamos no meio de uma crise???
Se isto é o normal (às vezes sou muito ingénua) como é que vamos sair da crise? Chego à conclusão que a culpa não é só dos bancos e dos governos, muita gente que se queixa também tem culpa.
Beijinhos
De mochovelho a 29 de Novembro de 2008 às 00:01
EXACTAMENTE ISSO! A banca está a pressionar o publico para que este se endivide cada vez mais... algo de inadmissivel. Portanto, conclui-se que os ganhos são tão grandes que compensam perfeitamente as perdas devidas a crédito mal parado. É ASSUSTADOR! Eu não sou rico, muito longe disso, mas pertenci á ordem dos engenheiros e até tive seguros promovidos por certas companhias seguradoras que mantinham com a ordem contratos especiais.... isso deve ter-me classificado como otário, pois recebo ofertas de crédito de vários lados, sem ter movido um dedo para tal......è vulgar o BES, de que sou cliente , mandar-me cartas a dizer : "Tem X € á sua disposição" ( empréstimo claro)..... Esta insistência em fazer as familias portuguesas endividarem-se , deveria merecer a atenção do Estado....mas o mercado é livre e a DEMOCRACIA serve para tudo.......Abraços para todos
De Bia a 7 de Dezembro de 2008 às 21:33
Querido José!
Reencontrando seu blog, felizmente.
Agora, não perco mais.
grande abraço!
De mochovelho a 11 de Dezembro de 2008 às 00:40
Oi Bia ... Há quanto tempo..... Visitei seu blog e deixei lá umas palavras. Um abraço.
De samsara a 20 de Dezembro de 2008 às 01:06
Vou-me desligar por uns dias para umas férias natalícias e venho desejar um feliz natal com tudo de bom.
Beijinhos
De maria de fátima a 27 de Dezembro de 2008 às 20:03
Olá José espero que tenha tido um feliz Natal na companhia da sua família.Desejo-lhe um óptimo ano novo de 2009.Beijinhos de amiga.

Comentar post

mais sobre mim


ver perfil

. 1 seguidor

pesquisar

Agosto 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
31

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts recentes

AS APLICAÇOES PRÁTICAS D...

DESCRIMINAÇÃO

VIVA A BADERNA

HAVERÁ TERCEIRA VIA??

Há terceira via??????

O PADROEIRO

EMÉTICO

ACUDAM !!!!!

...

BIBA!BIBA!BIBA!

TERRORISMO E PRESERVATIVO...

A CRISE

DISCIPLINA

O QUE SERÁ?

O REGRESSO DOS ABUTRES

O IMOBILIÁRIO

A CRISE

QUE TAL....

Aonde vamos????

DUARTE de ALMEIDA

arquivos

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

links

blogs SAPO

subscrever feeds