Sábado, 19 de Janeiro de 2008

O QUE EU LEIO

 

    MIGUEL SOUSA TAVARES

     AQUILO QU EU LEIO...

 

      Não é a continuação do meu post anterior. De vez em quando temos a sorte de aparecerem livros destes. Estou a referir-me ao livro “ O rio das flores” do nosso Miguel Sousa Tavares, já autor de outros êxitos como por exemplo “Equador”....

      Eu não tenho categoria, conhecimentos literários, para dizer se um livro é bom ou mau no seu todo, ou se está bem ou mal escrito a despeito do conteúdo....não senhor! Mas sei dizer se GOSTO ou NÂO GOSTO, que a palavra gostar ainda consta do dicionário..... E EU GOSTEI IMENSO!

      O tema é a vida de uma abastada família alentejana, os Ribera Flores, desde o principio do século XX até 1945.... Um pai, “land lord”, típico conservador, com mulher e dois filhos, Diogo, (o mais velho) e Pedro. Enquanto os filhos vão crescendo, cai a monarquia, instala-se a 1ª Republica, que cai vítima da sua própria anarquia e incompetência, para dar origem ao famigerado estado novo de Salazar. Diogo forma-se em engenharia e Pedro é o verdadeiro gestor da herdade, sabendo de tudo e de todos. Diogo faz vida de menino rico em Lisboa, que visita todas as semanas, (aqui as distâncias não são como no Brasil....). Diogo, o menino bem, a relíquia masculina de Estremoz, casa, para grande escândalo da vila com uma rapariga cigana, vencendo a oposição do irmão Pedro, tão tradicional como o falecido pai. Mas Diogo tem também várias características fundamentais ... è contra o estado novo, a favor da democracia, e sente-se asfixiado na sua herdade ( “roça” no Brasil?), na vila de Estremoz e em Portugal, e não se deixa limitar pelas convenções. Aspira a horizontes mais largos, no que não é acompanhado pela mulher a linda cigana Amparo, que ele sinceramente ama. Por outro lado, Pedro, liga-se ao estado novo, ás hostes fascistas. Diogo funda com mais dois amigos uma empresa import - export dedicada a trocas comerciais de e para o Brasil. Para cuidar dos negócios vai até ao Brasil no aeróstato motorizado Hindemburgo. Chegado ao Brasil Diogo apaixona-se pelo país.....Entretanto , Pedro , conspira com os seus amigos e vizinhos espanhóis contra o governo republicano de Espanha.......A partir daqui, além de uma excelente e acessível visão da política portuguesa ao tempo, passamos também a ter essa visão sobre a política espanhola e brasileira que lhe é contemporânea... Portugal e Brasil paralelos.... uma beleza.

 

   E não digo mais nada, senão confessar um pecado intelectual:

 

   Gostei deste livro e vou voltar a lê-lo.... Miguel deve ser mais novo do que eu.... Eu reconheci na sua escrita situações e ambiências muito próximas das que eu próprio vivi, mesmo sem ser um grande agrário alentejano. Eu, mais que entender, senti o que ele escreveu em muitos aspectos....somos da "mesma" geração, que atravessou na fase mais produtiva da sua juventude, um deserto.... e ainda por cima amordaçados. Se é por isso que eu GOSTEI deste livro é um pecado obviamente....mas não....Este é um grande livro que permite a um povo conhecer-se melhor e dois povos encontrarem-se em muitos aspectos.

 

 ESTE UM LIVRO DE UM PORTUGUÊS, MAS PARA PORTUGUESES E BRASILEIROS.

 

P.S- O livro custou, na época do Natal, 28 €, ou seja , cerca de R$ 75. Mas essa foi a época , a que as especialistas de Marketing chmam "desnatar".... ( KKKKK ...os primeiros a compprar compram mais caro....). Penso que o livro vai chegar ao mercado brasileiro bastante mais acessível.......não percam..... a mistura de romance e história é sempre muito agradável.........

publicado por mochovelho às 20:11
link do post | comentar | favorito
5 comentários:
De sunshine a 20 de Janeiro de 2008 às 01:26
Olá
Já tenho o livro em questão, mas ainda não o li, neste momento é o meu marido que o está a ler.
Gosto da escrita de Miguel Sousa Tavares, nomeadamente Equador, talvez o seu livro mais conhecido, e Não te deixarei morrer David que são pequenos contos, alguns cheios de significado.
Agora fiquei ainda com maior curiosidade de o ler. Depois lhe direi.
Um dos meus escritores favoritos é Vergílio Ferreira, simplesmente adoro a sua escrita e alguns dos seus livros.
Cumprimentos
De mochovelho a 20 de Janeiro de 2008 às 03:04
Olá Sunshine...como vai!
A propósito de escritores, o meu escritor contemporâneo preferido, que não troco por nenhum outro, é o António Lobo Antunes..... Já há muitos anos que assim é, que ele está no topo das minhas preferências......Eu vejo a vida, as pessoas, tal como Lobo antunes as (d)escreve.... Há pessoas que não compreendem esta minha preferência, pois para elas L.Antunes é uma espécie de escritor maldito.......Claro que não fico satisfeito ou contente quando leio um livro dele...mas não é essa a intenção quando queremos ler um bom livro, não é??
Obrigado e cumprimentos.
De sunshine a 20 de Janeiro de 2008 às 12:01
É mesmo. A mim, quando se debate escritores e digo que gosto de Vergílio Ferreira , dizem-me sempre que é depressivo. Eu não concordo. Alguém disse um dia que Vergílio era um especialista da luz em fundo escuro.
António Lobo Antunes, têm alguns livros cuja leitura não acho muito acessível . Leio, mas por vezes perco-me e tenho de recomeçar. Por acaso tenho o Eu hei-de amar uma pedra, que ainda não li. Mas que terei de ler quando me for possível .
Outro escritor de que gosto é Gabriel Garcia Marquez - adorei o Amor em tempos de cólera.
De quem não gosto, ainda que tenha ganho o Nobel é de José Saramago. Realmente não consigo.
Cumprimentos
De mochovelho a 21 de Janeiro de 2008 às 13:34
É curioso.... também não gosto de Saramago... ás vezes parece que leio nas suas entrelinhas uma " certeza", uma arrogância de quem sabe tudo e nada perdoa......è dificil de explicar.
Quanto ao Lobo Antunes, sou de opinião que os seus livros têm que ser lidos como se o conteudo fosse o desfiar de um sonho, ou o desfiar de recordações, porque as aparentes desconexões que encontramos no texto e narrativa , ( apenas aparentes, aliás....), são desse tipo....Cumprimentos.
De Débora Bellentani a 23 de Janeiro de 2008 às 01:44
Oi lindinho! Passei pra dar um oi, vi uma foto sua muito bonita e adorei o post das aves. Vc é a própria evolução em movimento. Acredite nisso. Está além da sua geração e vive intensamente as mudanças do mundo. Beijocas. Escritora Caipira - Um dedo de prosa.

Comentar post

mais sobre mim


ver perfil

. 1 seguidor

pesquisar

Agosto 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
31

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts recentes

AS APLICAÇOES PRÁTICAS D...

DESCRIMINAÇÃO

VIVA A BADERNA

HAVERÁ TERCEIRA VIA??

Há terceira via??????

O PADROEIRO

EMÉTICO

ACUDAM !!!!!

...

BIBA!BIBA!BIBA!

TERRORISMO E PRESERVATIVO...

A CRISE

DISCIPLINA

O QUE SERÁ?

O REGRESSO DOS ABUTRES

O IMOBILIÁRIO

A CRISE

QUE TAL....

Aonde vamos????

DUARTE de ALMEIDA

arquivos

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

links

blogs SAPO

subscrever feeds